» Welcome Guest
[ Log In :: Register :: Search :: Help ]

Click here to add a report from another organization.
new topic
Organization: ABrasOFFA - Associação Brasileira dos Organizadores de Festivais de Folclore e Artes Populares
The following information may be cited or quoted as long as the source is accurately mentioned and the words are not taken out of context.
Posted: April 23 2005,16:47 If you wrote this report, you will find a button here that you may click
in order to make changes in the report.

PROGRESS: Has your organization seen progress toward a culture of peace and nonviolence in your domain of action and in your constituency during the first half of the Decade?

ENGLISH VERSION BELOW

PARA UN INFORME EN ESPAÑOL, CONTACTA A abrasoffa@abrasoffa.org.br

Fazem 18 anos consecutivos que criamos uma maneira prática de fazer uma cultura da Paz e nâo violência, através de convites a Grupos Folclóricos de Países de culturas e costumes diferentes, alguns em conflito, para realizar um encontro anual em nosso país.
Onde estes grupos, através de suas danças e música se esquecem de suas diferenças e praticam a Paz.
Isto tem se passado nestes 18 anos de festivais, muitos grupos em guerra, como exemplo a presença da Yugoslávia e a Croácia, no ano de 1995 e tudo terminando em amizade .
O proximo passo foi criar mais festivais internacionais em outras cidades do nosso país , enviar grupos brasileiros a outros festivais mundiais e há mais de tres anos estamos fazendo também Festivais de Folclore no Chile e no México, com a participação dos nossos voluntários.

O Progresso alcançado se deu nos seguintes Resultados:

1. intercâmbios Culturais – com mais de 100 países
2. Banco de Dados que serve de pesquisa de Folclore para alunos e professores da Rede de Ensino ;
3. Criação de Festivais Internacionais de Folclore pelo Brasil, hoje mais de 10 Festivais
4. Conscientização das Escolas , nestes 18 anos de valorizar o folclore  na região onde se realiza;
5. Estágio para estudantes de Escolas e Universidades de Turismo;
6. Capacitação Profissional para  Jovens Voluntários
7. Intercâmbios Culturais entre Jovens de vários países;
8. Exposições de Artesanato com Geração de Renda para os Artesãos;
9. Equipe Brasileira de Voluntários trabalhando no Exterior
10. Oficinas Culturais com capacitação para Pessoas de Baixa Renda;
11. Criação de um Circuito de Festivais nas Américas
12. Convênios e parcerias com Empresas Aéreas
13. Maior divulgação do Folclore Brasileiro, com a ida de Grupos Brasileiros ao Exterior em maior número
14. Reconhecimento e valorização no exterior do trabalho da ONG em prol do folclore
15. arcerias no exterior com organizadores de festivais que patrocinaram a ida de grupos do Brasil
16. Viabilização através do Ministério de Cultura de patrocínio de passagens para grupos brasileiros irem a Festivais Internacionais em países como Rússia, República Tcheca, Itália e França.
17. Preservação e resgate de inúmeros grupos folclóricos brasileiros oportunizando suas atuações.

------

ENGLISH VERSION

Since 18 consecutive years we create a practice way of doing a culture of Peace and non violence, through invitations to Folkloric Groups of different countries and manners, some of them in conflict, to realize an annual meeting at our country.
Where these groups, through its dances and music forget their differences and practice Peace.
It has been happening in these 18 years of festivals, many groups in war, as an example the presence of the Yugoslavian and Croatia, at the year of 1995, has everything been finished in harmony.
The next step was to create more international festivals in other cities of our countries, to send Brazilian groups to other mundial festivals and since more than 3 years we are also doing Folkloric Festivals at Chile and Mexico, with the participation of our volunteers.  

The Progress reached has been given in the following Results:

1. Cultural Interchanges – with more than 100 countries
2. Data Banks which serves for folkloric researches to students and teachers from the Teaching Net
3. The creation of International Folkloric Festivals through Brazil, totalizing today more than 10 festivals
4. The information to the schools about these 18 years of valorization of the folklore of the region where it is realized
5. Stage for students from schools and Universities of Tourism
6. Professional capacitation for younger volunteers
7. Cultural interchanges between young people from many countries
8. Handicraft Expositions which given incoming for the handicraftsmen
9. Volunteers Brazilian equipment working at the exterior
10. Cultural Workshops with capacitation or people with low income
11. Creation of a Festival’s Circuit in the Americas
12. Convenes and partnerships with air companies
13. A major divulgation of the Brazilian Folklore, with the going of Brazilian Groups to the exterior in a major number
14. Recognizing and valorization at the exterior of the NGO’s work in favor to the folklore
15. Partnerships in the exterior with festivals organizers which supported the going of Brazilian groups
16. Viabilization through the Cultural Ministery of passaport supporting to Brazilian groups to go to International Festivals in countries such as Russia, Czech Republic, Italy and France;
17. Preservation and rescue of uncountable Brazilian Folkloric groups given opportunity of exploration of its performances;

OBSTACLES: What are the most important obstacles that have prevented progress?

Tivemos alguns obstáculos que dificultaram todo este processo e alguns  dos maiores , foram  a falta de visão das Prefeituras e do Servidor Público, bem como de alguns empresários, que achavam o Projeto muito visionário e impossível de ser realizado e a questão da alimentação e da hospedagem , para aproximadamente 500 a 800 participantes, durante os 12 dias de realização do evento
Hoje a maior dificuldade ainda é este contato com o poder público e empresários,  mas que tem melhorado muito.

------

We had some obstacles which made difficult its process and some of the major, were the absent of Prefecture and Public Server vision, as well, of some managers, whom thought the Project was very much visionary and impossible to e realized and the question of the food and hospitality, for around 500 to 800 participants, during the 12 days of realization of this event.
Today the major difficulty is still the contact with the public power and managers ut which has been better much more.

ACTIONS: What actions have been undertaken by your organization to promote a culture of peace and nonviolence during the first half of the Decade?

As ações foram pautadas na criação efetiva de mais Festivais Internacionais de Folclore, uma maneira de se colocar culturas , costumes e tradições diferentes em contato, fazendo com que houvesse uma maior tolerãncia frente as diferenças e trazendo isso para as escolas, para que alunos e professores se conscientizassem mais da importância do resgate da nosa cultura e da nossa tradição.

Projeto Escola:
Este é um dos pontos que o festival mais cuida. Entendendo serem as crianças o alvo mais importante no aspecto cultural e de formação do público "de amanhã", o "Projeto Escola" é a atividade mais enriquecedora, tem por objetivo divulgar o folclore entre os estudantes da rede municipal, estadual e particular. As escolas são convidadas a participarem do evento na área de espetáculos.
Aproximadamente são atendidas cerca de 40 a 82  escolas em todo o Circuito, chegando-se a atingir aproximadamente mais de 50.000 alunos.

Culto Ecumênico Plantio da Árvore da Paz
Culto realizado ao ar livre, sem distinção de religião ou credo, com a participação   dos grupos, onde haverá a benção dos instrumentos musicais.
Em seguida os grupos cantam uma música religiosa do seu país ou dançam.
Em sequência é realizado o plantio da Árvore da Paz, onde uma pequena muda, trazida por um dos países participantes,  é plantada com  terra  trazida pelos grupos - de seus países.

Desfile Etnográfico
Com a participação de todos os grupos folclóricos presentes ao evento é realizado um desfile pelas avenidas principais, com paradas em certos pontos onde será feita uma pequena demonstração do que o grupo irá apresentar durante o período do evento. Tem a duração de aproximadamente 3 horas em uma distância de +/- 3 Km.

Dança na Rua
Esta programação tem por objetivo chamar a atenção da população para o evento.  
São atuações isoladas em locais pré-determinados da área central do comércio e de forma muito rápida.

Dança no Bairro
Em razão das grandes distâncias existentes, a "Dança nos Bairros" nada mais é do que uma oportunidade que o festival oferece para a população mais distante.
Normalmente essas atuações são "mambembe".   Esse projeto vem sendo apresentado com muito sucesso todos os anos , reunindo um numeroso público.

Troca de Presentes Visitas Oficiais
É realizada  Visita Oficial aos Prefeitos Municipais (executivo) e aos Presidentes das Câmaras Municipais das cidades participantes (legislativo). Nesta visita se faz presente os diretores  e um casal com trajes típicos de todos os grupos participantes que trocam presentes com as autoridades, marcando assim a sua presença nos municípios.
Igual procedimento se dá entre a organização do evento e os diretores dos grupos participantes e em seguida entre os grupos

Noite das Nações
Sendo um dos objetivos primeiro do evento a  maior integração entre os mais diversos povos participantes, é parte (reservado) da programação o que definimos como "Noite das Nações.
Esta parte ocorre todas as noites após programação oficial, onde os grupos realizam diversas atividades típicas de sua cultura, demonstrando e envolvendo a participação de todos, tais como:Apresentações ,Brincadeiras ,Jogos,Comidas e Bebidas Típicas, ...,tudo no ambiente do alojamento e reservado somente aos participantes e organização, portanto não sendo esta pública.


Encerramento Oficial
O último dia do Festival é marcado pela solenidade de Encerramento , que normalmente conta com a apresentação de todos os grupos, a palavra de agradecimento dos organizadores e autoridades municipais que recepcionaram os grupos.
É realizada uma coreografia especial de encerramento com a participação de todos os grupos.
Esta cerimônia marca a despedida dos grupos  que aqui conviveram dias de paz, harmonia, comunhão e festa.

Mostra de Artesanato e Comidas Típicas
Junto com toda a magia do festival acontece a Mostra de Artesanato e Comidas Típicas, onde seu maior objetivo é trazer, junto com o festival  a cultura e os costumes de outros países, proporcionando um dos mais belos intercâmbios culturais  e turísticos para todo o público presente.

III ENCONTRO INTERNACIONAL DE JORNALISTAS :
São convidados jornalistas de alguns países, para discutir o papel da Imprensa no resgate e preservação da Arte Popular.]Neste Encontro são apresentados trabalhos dos países convidados.

I FORUM MUNDIAL DA REDE DE JOVENS VOLUNTÁRIOS PELA CULTURA DA PAZ:
Neste ano pela primeira vez faremos um fórum com apresentação de trabalhos dos jovens que fazem parte da Rede. Este projeto foi criado com a intenção de utilizar o poder da Internet como ferramenta na preservação dos costumes e tradições.
Os jovens cada qual em seu país escolhe um tema e trabalha com o objetivo de recolher dados da sua cultura e da sua tradição, enviar estes dados depois de comprovados por uma equipe de estudiosos e disponibilizar na Internet, em nosso sirte www.abrasoffa.org.br informações detalhadas acerca das tradições daquele país.Exs.:
México - resgata as suas comidas típicas, onde colocará na Internet a história  rica da culinária Mexicana, a receita e a foto;
Paraguai - fazendo o resgate da língua Garani, falada naquele país, recolhendo músicas e história do seu país, naquele idioma;
Brasil - Danças e lendas brasileiras de Norte ao Sul do país;
Peru - resgate do artesanato peruano com fotos e história.

V ENCONTRO DO COMITÊ EXECUTIVO DO CONTINENTE ANERICANO-IOV  - a entidade que representamos no Brasil o IOV realiza anualmente  um Encontro onde são discutidas as metas e ações do próximo ano e neste ano em agôsto, estaremos reunidos com alguns membros das Américas, para tratar de realizar no ano de 2006 o I CONGRESSO MUNDIAL DA PAZ .

------

The actions were guide-lined in the effective creation of more International Folkloric Festivals, a way to put cultures, costumes and different traditions in contact, doing to have more tolerance with the differences and bringing it to the schools, for the students and teachers get more conscience of the importance of the rescue of our culture and tradition.

School Project:
This is the point more cared by the festival. I think the children be the point most important at the cultural aspect and of the “tomorrow” public formation, the School Project, is the most enriching, and has as an aim to divulgate the folklore between the students of the municipal, statual and particular net. Schools are invited to participate of the event in the spectacle’s area.
Are attended around 40 to 82 schools in all the Circuit getting to reach around 50000 students.

Ecumenical cultivation of the Peace Tree
Cultivation realized at the free air, without distinction of religion or faith, with the participation of the groups, where it will be the less to the musician instruments. In the following, the groups sing a religion song of its country and dance.
In the following it is realized the plantation of the Peace Tree, where a small plant, brought for one of the participant countries and it’s planted with land brought by the groups – of its countries.

Ethnographic parade:
With the participation of all the folkloric groups present at the event it is realized a parade at the main avenues, with a stopping in determinate points where it will be done a small demonstration of what the group will present during the period of the event. It has the duration of around 3 hours at a distance of more or less 2 statute miles (3Km).

Dance on the suburbs:
In due to the great distances existents, the “Dance on the Suburbs” is nothing else than an opportunity which the festival offers to the most distant populations. In general, these attractions are “mambembe”. This project has been presented with great success every year, joining a great public.

Change of gifts/ Official Visits:
It is realized the Official Visit to the Municipal Mayors (executive) and to the Municipal Cameras’ President of the participant cities (legislative). In this visit are present the directors and a couple with typical costumes of all the groups participants whom change gifts with the authorities, marking this way, their presence at the municipalities. The same procedure is taken between the organization of the event and the directors of the groups participants and in following between the groups.

Night of the nations:
Being one of the first objectives of the event, the major integration between the most diverse people participant, it is a part (reserved) of the programation which we define as “Night of the nations”.
This part happens every night after the official programation, when the groups realize diverse activities from its culture, demonstrating and including the participation of everybody, such as: presentations, plays, games, foods and typical drinks, …everything in an environment of the lodgment and reserved only for the participants and organizers, so being this public.

Official Enclosing:
The last day of the Festival is marked by the solemnity of the Enclosing, which normally counts to the presentation of the groups the thanks of the organizers and the municipal authorities which received the groups.
It is realized an special choreography of enclosing with the participation of all the groups.
This ceremony marks the farewell of the groups which shared days of peace, harmony, communion and party.

Handicraft and Typical Food Exposition:
Together with all the magic of the festival happens the Handicraft and Typical Food Exposition, where its major objective is to bring, together with the festival, the culture and costumes of other countries, proportionating one of the most beautiful cultural and touristy interchanges for all the present public.

III Journalists International Meeting:
Are invited journalists from some countries, to discuss the part of the Press in the rescue and preservation of the Popular Art. In this meeting are presented works of the invited countries.

I Mundial Forum of the Volunteer Young for the Peace Culture:
In this year, for the first time, we will present a forum with the participation of the young’s works, whom made part of the Net. This project was created with the intention of using the power of the Internet as an instrument in the preservation of the costumes and traditions.
The youngs, each one in your country choose a subject and work with the aim of join results of your culture and tradition, send this data after confirmed by an equipment of students and put it on the Internet, in our site www.abrasoffa.org.br for further information about the tradition of that country. E.G.:

Mexico – rescue its typical foods and put in the Internet the rich history of the Mexican food, the recipe and the photograph;

Paraguay – doing the rescue of the of the Guarani language, spoken at that country, collecting songs and history of your country, on that idiom;

Brazil – Dances and Brazilian legends from the North to South of the country;

Peru – rescue of the Peruvian handicraft with the photographs and history.

V Meeting of the Executive Committee from the American Continent – IOV:
The entity which we represent in Brazil, the IOV, realize annually a Meeting where are discussed the goals and actions of the next year and this year in August, we will be joined together with some members of the Americas, to treat to realize in the year of 2006 the I Mundial Congress of Peace.






ADVICE: What advice would you like to give to the Secretary-General and the General Assembly to promote a culture of peace and nonviolence during the second half of the Decade?

Que houvesse uma preocupação com o resgate e os valores da identidade cultural de cada povo, uma ação de conscientização, mas voltada aos governantes , para que medidas junto às escolas, fôssem tomadas.
criação de grupos de dança folclórica, exposições de artesanato, culinária, música: São ações que minimizam a violência, criando uma criança repeitando a sua tradição e a sua cultura, tirando-a da rua, já que estaria dançando, cantando e tocando.
A Arte é uma forma da pessoa minimizar a violência e criando uma conscientização da família para valores culturais, que estão sendo deixados totalmente de lado, pelos nossos governan, preocupados com a violência e as crises sociais da sociedade.
Mas não podem esquecer que a Arte e a cultura alimentam a alma, isto também é muito importante, as pessoas tem que estar mais sensibilizadas a ajudar e se desde pequenos tratarem com sensibilidade as questões colocadas em sua vida.

------

That have a preoccupation with the rescue and the values of cultural identity of each people, an action of conscience, but turned to the governor, for measures, together with the schools, be taken.
The creation of Folkloric Dance Groups, Handicrafts Expositions, cooking, music: Are actions which minimize violence creating a child whom will respect your tradition and culture, taking him/her off the streets, since he/she would be dancing, singing and playing.
The Art is a way of the person to minimize violence, creating the conscience for the family to call the attention to cultural values, which are being forget by our governors, worried with the violence and social crises of the society.
But we cannot forget that Art and culture feed the soul, and this is also very important, because people have to be more sensible to help and, since they are young, they have to treat with sensibility the questions which were put in their lives.

PARTNERSHIPS: What partnerships and networks does your organization participate in, thus strengthening the global movement for a culture of peace?

Estamos vinculados a Rede de Jovens Voluntários pela Cultura da Paz,  que utiliza a Internet como ferramenta, para a preservação da arte popular;
Representamos o IOV - Organização internacional de Arte Popular, com sede na Austria e que mantêm relações Operacionais com a UNESCO;
Somos membro correspondente do CIOFF - Conselho Internacional de Organizadores de Festivais de Folclore, com sede na França e que mantêm relações Operacionais com a UNESCO;
Somos membros do CID - Conselho Internacional de Dança, com sede na França e que mantêm Relações Operacionais com a UNESCO;
Fazemos parte da Rede do terceiro Setor, que trata das questões sociais do Brasil, através da Internet;
fazemos parte da Rede Fórum Social, que trata das questões sociais do Brail, através da Internet.

------

We are connected to the Net of young Volunteers for the Peace Culture, which use the Internet as an instrument, for the preservation of the popular art;

We represent IOV – International Organization of Popular Art, with seat in Austrian and which keeps Operational relations to UNESCO;

We are a correspondent member of CIOFF – International Council of Folkloric Festivals’ Organizers, with seat in France and which keeps Operational relations with UNESCO;

We are members of CID – International Council of Dance with seat in France and which keeps Operational relation to UNESCO;

We made part of the Net of the third sector, which treats to the social questions of Brazil, through Internet;

We made part of the Social Forum Net, which treats the social questions of Brazil, through Internet.

PLANS: What new engagements are planned by your organization to promote a culture of peace and nonviolence in the second half of the Decade (2005-2010)?

Para 2006 , estamos planejando:
• O   I CONGRESSO MUNDIAL DA PAZ  NAS AMÉRICAS ;
• O IV ENCONTRO INTERNACIONAL DE JORNALISTAS ;
• O II FÓRUM MUNDIAL DA REDE DE JOVENS VOLUNTÁRIOS PELA CULTURA DA PAZ;
• O III FESTIVAL INTERNACIONAL DE FOLCLORE DA CIDADE DO MÉXICO
• O 20º FESTIVAL INTERNACIONAL DE FOLCLORE DO BRASIL, com um Circuito de Festivais no mes de agôsto de 2006 por mais de 05 Estados e mais de  20 cidades brasileiras;
• Oficinas Culturais nas Escolas Conveniadas;
• Exposição Itinerante com o Museu da Entidade Abrasoffa e os artesãos da região da baixada Santista;
• Incentivar mais a Criação de Festivais de Folclore Nacionais e Internacionais, com projetos Integrados: Projeto escola, de Bairros e Ruas, Creches, Oficinas Culturais, desfiles, Culto ecumênico e Desfiles de Rua;
• Capacitação do Corpo Vouluntário da Entidade, com aulas de idiomas e diversa Oficinas Culturais;
• Expansão da rede de Jovens Voluntários pela Cultura da paz à outros países;
• Transferência da Sede da Entidade para uma lugar Maior, onde se possa colocar as peças do Museu de Arte Popular, à visitação popular , com oficinas de artesanato com isso possibilitando uma capacitação a jovens da periferia;

------

For 2006, we are planning:
• The I Mundial Peace Congress in the Americas;
• The IV International Meeting of Journalists;
• The II Mundial Forum of Young Volunteers Net for the Peace Culture;
• The III International Folkloric Festival of the Mexico City;
• The 20th International Folkloric Festival of Brazil, with a Festivals Circuit in August of 2006 by more than 05 states and more than 20 Brazilian cities;
• Cultural workshops in the Convened schools;
• Itinerant exposition with the Museum of the entity ABrasOFFA and the handicraftsmen of the Baixada Santista region;
• Incentive more the Creation of National and International Folkloric Festivals, with integrate projects: School, suburbs, crèches and streets projects, cultural workshops, parades, ecumenical cults, and Parades on the streets;
• Capacitation of the Volunteer body of the entity, such as idiom classes and diverse cultural workshops;
• Expansion of the young volunteers’ net for the Peace Culture to other countries;
• Transference of the entity seat to a largest place, where it could be possible to put the pieces of the popular Art Museum, to the popular visitation, with handicrafts workshops, and with it, making possible the capacitation of the suurb young.

Postal address of organization

Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 476
Santos – SP – Brasil - CEP nº  11015 - 202
Caixa Postal nº  504

E-mail address of organization

abrasoffa@abrasoffa.org.br

Website address of organization

www.abrasoffa.org.br

Highest priority action domain of a culture of peace

Como primeira Prioridade :  seria para nós a EDUCAÇÃO PARA UMA CULTURA DA PAZ - onde teriam que ser desenvolvidas ações junto a escola, para que desde cedo a criança tenha esta consciência, isso ajudaria e muito.

------

As a first prioritary: it would be for us an Education for the Culture of Peace – where it should e developed actions together with the school, with the intention that the child, as soon as possible, has the conscience, which would help very much.

Second priority action domain of a culture of peace

Como segunda prioridade :  Compreensão, Tolerância e Solidariedade  - desenvolvendo estas questões, tudo ficaria mais fácil, menos pessoas nervosas intolerantes , pessoas que se doariam a causas necessárias a comunidade, enfim as pessoas mais humanas, outras questões seriam resolvidas.

------

As a second priority: Comprehension, tolerance and solidarity – developing these questions, everything would be easier, less people nervous, intolerants and people would give theirselves to causes to help the community, so, people would become more human, and other questions could e solved.

Highest priority country of action (or international)

Nossa prioridade é fortalecer os países das Américas, na questão da identidade cultural de cada um, fortalecer os Intercâmbios entre os mesmos, criar uma relação de cooperação , divulgar as ações dos países da Américas, quanto a sua riqueza cultural e tratar de fortalecer os Festivais de Folclore existentes naqueles países e criar cada vez mais e mais Festivais de Folclore, onde estes grupos tenham motivação para apresentar o seu trabalho com a finalidade de divulgar a sua cultura popular , resgatando os valores, motivando os seus jovens a participar.
Que através da dança e da música os povos sejam mais tolerantes, pois esta além de ser uma linguagem Universal, é uma expressão verdadeira, pois o corpo e a alma não mentem jamais.

------

Our priority is to fortify the countries of the Americas, in relation to the cultural identity of each one, to fortify the Interchanges between them, creating a relation of cooperation, to divulgate the actions of the countries of the Americas, as for its cultural treasure and treat to fortify the Folkloric Festivals existents in that countries and to create each time more and more Folkloric Festivals, where these groups have the motivation to present its work with the aim to divulgate its popular culture, rescuing their values, motivating the young to participate.
That through dance and music people be more tolerant, because it is very far from being an Universal language, it is a truly expression, because the body and the soul does not lie anyway.

Second priority country of action (or international)

Back to top
Organization: ABrasOFFA - Associação Brasileira dos Organizadores de Festivais de Folclore e Artes Populares

Click here to add a report from another organization.
new topic